Bem-vindo: 23 Mai 2018, 09:45

Todos os horários são GMT - 3 horas




Criar novo tópico Responder  [ 23 mensagens ]  Ir para página 1, 2, 3  Próximo
Autor Mensagem
MensagemEnviado: 02 Ago 2017, 08:12 
Offline

Registrado em: 14 Nov 2015, 07:40
Mensagens: 1
Cidade onde mora: Teresina/PI
Pessoal, a minha Super é uma DX 15/16. Só uso gasolina aditivada de postos Petrobras, Shell e Ipiranga. ocorre que por duas vezes seguidas, em visita ao Brasília Capital Moto Week, ela me incomoda ao dar a partida de manhã. Na primeira, insisti um pouco, dei um tempo e, aí, blz, pegou. Na segunda vez, tive de usar um auxiliar de partida para poder expulsar o excesso de combustível na velas e fazer pegar. O que vcs acham que pode ser?


Voltar ao topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: 02 Ago 2017, 10:03 
Offline
Avatar do usuário

Registrado em: 31 Mar 2015, 23:33
Mensagens: 87
Cidade onde mora: Lajeado/RS
Pode ser vela, dependendo da km, pode ser a bateria (se ela anda pouco)


Voltar ao topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: 02 Ago 2017, 11:25 
Offline

Registrado em: 10 Nov 2014, 21:08
Mensagens: 798
Cidade onde mora: guarulhos/Sp
eu iria pela ordem do mais facil primeiro

O motor de arranque gira, e não pega ou ele está fraco?
fica cheiro forte de gasolina quando tenta dar a partida várias vezes?
isso acontece só quando fica parada uma semana, ou está acontecendo em todo dia na primeira partida?

Com as respostas vc consegue partir para alguma linha de investigação, mas eu verificaria as coisas na seguinte ordem.

- Verificar fusíveis
- Verificar voltagem e amperagem da bateria (tive uma na Fazer 250 que tinha 12v, mas dava 4a, não tinha força p girar o arranque)
- Verificar resistência das velas (teste rápido com multímetro), verificar faisca.
- Verificar rele de partida
- verificar se chega gasolina no motor (pode ser a bomba, filtro, ou algum entupimento)

estou com problema parecido na minha ruiva, mas nela é em toda partida a frio, e sempre pega mas não segura, ja passei das verificações do sistema de partida e ja estou vendo coisas mais caras para arrumaar :S

boa sorte na empreitada mano


Voltar ao topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: 06 Out 2017, 20:06 
Offline

Registrado em: 06 Out 2017, 19:48
Mensagens: 4
Cidade onde mora: são josé do egito-PE
Boa noite Pessoal !! Esse problema é crônico na Super Ten 1200. Viajei de Pernambuco a Ushuaia em outubro 2016, numa Super Ten 2016 com 16.000 km rodados. Depois de Buenos Aires, quando a temperatura baixou, por várias vezes tive que dar chupêta (usar bateria auxiliar) pra poder funcionar pela manhã. Certo dia em Rio Grande (AR) ela só pegou com uma bateria de camioneta Diesel. Na volta logo que entrei no Brasil ( quando a temperatura sobe) ficou tudo normal.
Elas usam bateria de 12 volts 12 ah. Na proxima vou usar uma bateria de 12 volts 14 ah. Talvez resolva meu problema


Voltar ao topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: 08 Out 2017, 20:11 
Offline
Avatar do usuário

Registrado em: 19 Jul 2011, 17:10
Mensagens: 809
Localização: Setor Bela Vista
Cidade onde mora: Goiânia, GO
Não tenho experiência em temperaturas muito baixas como em viagens ao sul do continente, mas no frio aqui do eixo Goiânia-Brasília nunca tive esse problema... e olha que a minha ST é 2012. O que precisei foi trocar a bateria por 2 vezes ao longo desses 6 anos de uso.

_________________
Para quem gosta, a paixão de pilotar é entendida; para os demais, não adianta explicar.
CB450, Téneré XT600, FZ6-S 2009, Atual XT1200Z Super Ténéré com Escape DUPLO!


Voltar ao topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: 09 Out 2017, 05:31 
Offline

Registrado em: 31 Mai 2014, 06:59
Mensagens: 41
Cidade onde mora: Caaporã-PB
Minha ´Super é 2012 e já troquei bateria e relê de partida à cerca de 02 anos porque não queria "pegar". Mês passado começou
novamente a disparar o relê e ela não dava sinal de vida. Meu mecânico disse que seria novamente defeito do relê. Eu então, perguntei
a amigos qual posto estavam abastecendo e eles me indicaram um certo Petrobrás. deixei combustível chegar na reserva para encher
o tanque e não deu outra. A moto limpou e ficou pegando de primeira.
Depois que perdí 01 bateria e 01 relê de partida, comprei um carregador de bateria automático Ctek 0.8 12v que é vendido com o nome
Yamaha na Europa e a cada 02 meses eu o utilizo, pois sabemos que a moto não gera energia para deixar a bateria 100%.
Obs. Não basta apenas um posto ter bandeira é preciso que tenha confiabilidade e numa viagem isso é impossível.
Em nenhuma Site europeu, conheço relato sobre dificuldade da Super La Tenerezza "pegar" em baixa temperatura.


Voltar ao topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: 09 Out 2017, 10:39 
Offline
Avatar do usuário

Registrado em: 04 Mai 2015, 10:25
Mensagens: 245
Cidade onde mora: Juiz de Fora-MG
A minha está chegando a 2,5 anos e apesar de ficar alguns períodos inativa, em média uns 15 dias, está pegando numa boa. Houve neste período duas ocasiões em que deu um pequeno trabalho para funcionar - ligava mas morria - Nas duas ocasiões havia abastecido durante viagem em posto que não tinha como confirmar a qualidade. Deixei acabar o combustível e voltei ao que uso, V-power Racing e o problema foi embora. Conclusão: nossa gasolina comum e aditivada tem um percentual (27%) elevado de etanol o que acredito causar dificuldades na partida com temperatura baixa. A V-power Racing, além de octanagem mais elevada possui um percentual (25%) menor de etanol, o que facilita muito a partida.

Enio

_________________
ET.

XTZ 1200 DX - 2015 - Cinza


Voltar ao topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: 09 Out 2017, 11:23 
Offline
Avatar do usuário

Registrado em: 30 Set 2014, 08:52
Mensagens: 127
Cidade onde mora: Sítio-PR
Rilson escreveu:
Minha ´Super é 2012 e já troquei bateria e relê de partida à cerca de 02 anos porque não queria "pegar". Mês passado começou
novamente a disparar o relê e ela não dava sinal de vida. Meu mecânico disse que seria novamente defeito do relê. Eu então, perguntei
a amigos qual posto estavam abastecendo e eles me indicaram um certo Petrobrás. deixei combustível chegar na reserva para encher
o tanque e não deu outra. A moto limpou e ficou pegando de primeira.
Depois que perdí 01 bateria e 01 relê de partida, comprei um carregador de bateria automático Ctek 0.8 12v que é vendido com o nome
Yamaha na Europa e a cada 02 meses eu o utilizo, pois sabemos que a moto não gera energia para deixar a bateria 100%.
Obs. Não basta apenas um posto ter bandeira é preciso que tenha confiabilidade e numa viagem isso é impossível.
Em nenhuma Site europeu, conheço relato sobre dificuldade da Super La Tenerezza "pegar" em baixa temperatura.
Compartilho da sua opinião.
Acrescento, a super tem partida diferente de motores convencionais, demorando alguns segundos a mais para ligar, afinal, é um crossplane. Muito etanol ou outra mistura na gasolina vai ampliar essa partida, em dias mais frios então..
Na minha experiência de 2,5 anos com uma 2012 e 43kkm, tanto aqui no sul do BR como nas duas idas a ARG/CHI, última em setembro, -3° no painel, no paso jama, a moto sempre ligou, em Cachi-ARG a NC750 de meu amigo precisou umas 4 partidas pra ligar pela manhã.
Só fiquei sem partida quando a bateria abriu o bico.


Voltar ao topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: 31 Out 2017, 10:18 
Offline

Registrado em: 22 Dez 2014, 10:24
Mensagens: 47
Cidade onde mora: Fortaleza/CE
Ander escreveu:
Rilson escreveu:
Minha ´Super é 2012 e já troquei bateria e relê de partida à cerca de 02 anos porque não queria "pegar". Mês passado começou
novamente a disparar o relê e ela não dava sinal de vida. Meu mecânico disse que seria novamente defeito do relê. Eu então, perguntei
a amigos qual posto estavam abastecendo e eles me indicaram um certo Petrobrás. deixei combustível chegar na reserva para encher
o tanque e não deu outra. A moto limpou e ficou pegando de primeira.
Depois que perdí 01 bateria e 01 relê de partida, comprei um carregador de bateria automático Ctek 0.8 12v que é vendido com o nome
Yamaha na Europa e a cada 02 meses eu o utilizo, pois sabemos que a moto não gera energia para deixar a bateria 100%.
Obs. Não basta apenas um posto ter bandeira é preciso que tenha confiabilidade e numa viagem isso é impossível.
Em nenhuma Site europeu, conheço relato sobre dificuldade da Super La Tenerezza "pegar" em baixa temperatura.
Compartilho da sua opinião.
Acrescento, a super tem partida diferente de motores convencionais, demorando alguns segundos a mais para ligar, afinal, é um crossplane. Muito etanol ou outra mistura na gasolina vai ampliar essa partida, em dias mais frios então..
Na minha experiência de 2,5 anos com uma 2012 e 43kkm, tanto aqui no sul do BR como nas duas idas a ARG/CHI, última em setembro, -3° no painel, no paso jama, a moto sempre ligou, em Cachi-ARG a NC750 de meu amigo precisou umas 4 partidas pra ligar pela manhã.
Só fiquei sem partida quando a bateria abriu o bico.



Eu pensava que motor crossplane fosse coisa de motor 4 cilindros...Vocês que entendem, dá pra dizer que motor 2 cilindros da Super é crossplane??

_________________
MARCELO CAVINI
(EX: XL 250R, XL 350, XT 600, RMX 250, FALCON 400, GS 750, PEGASU 600, MARAUDER 800, XT 660, VARADERO 1000)


Voltar ao topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: 31 Out 2017, 15:44 
Offline

Registrado em: 27 Out 2017, 09:22
Mensagens: 3
Cidade onde mora: Juiz de Fora
Sobre este assunto, realmente senti isso na Super que peguei recentemente (bem diferente da minha moto anterior) e percebi que se girar um pouco o acelerador na partida ela pega mais fácil. Então pergunto, é melhor dar esse pequeno gas no acelerador ou deixa a moto pegar somente apertando o botão?


Voltar ao topo
 Perfil  
 
Exibir mensagens anteriores:  Ordenar por  
Criar novo tópico Responder  [ 23 mensagens ]  Ir para página 1, 2, 3  Próximo

Todos os horários são GMT - 3 horas


Quem está online

Usuários registrados: Bing [Bot], Google [Bot]


Enviar mensagens: Proibido
Responder mensagens: Proibido
Editar mensagens: Proibido
Excluir mensagens: Proibido
Enviar anexos: Proibido

Procurar por:
Ir para:  
Powered by phpBB® Forum Software © phpBB Group
Traduzido por: Suporte phpBB