Bem-vindo: 23 Jun 2018, 22:17

Todos os horários são GMT - 3 horas




Criar novo tópico Responder  [ 26 mensagens ]  Ir para página Anterior  1, 2, 3  Próximo
Autor Mensagem
MensagemEnviado: 17 Fev 2014, 18:42 
Offline

Registrado em: 05 Mar 2013, 22:22
Mensagens: 710
Localização: Brasília
Cidade onde mora: Distrito Federal
Bacana, só um comentário: Eu tenho os mesmos baús na T250 e não senti a menor diferença na condução, acho que você mantém médias acima de 120km/h na estrada, não? só em altas velocidades os dispositivos aerodinâmicos com pequenas superfícies fazem diferença.


Voltar ao topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: 17 Fev 2014, 21:38 
Offline
Avatar do usuário

Registrado em: 12 Fev 2014, 12:02
Mensagens: 66
Cidade onde mora: Brasília/DF
ivojoseaug escreveu:
Bacana, só um comentário: Eu tenho os mesmos baús na T250 e não senti a menor diferença na condução, acho que você mantém médias acima de 120km/h na estrada, não? só em altas velocidades os dispositivos aerodinâmicos com pequenas superfícies fazem diferença.


Ivo, tudo bem? Comentando:

1 - Na verdade, a grande diferença é sentida na ultrapassagem. A 660 tem uma aceleração que transmite muita confiança na hora de deixar "enroscos" para trás. Isso significa sair de uma velocidade baixa e dar um "salto" para uma faixa muito superior. Nessa hora o arrasto é muito visível. Para mim, foi desconfortável sentir que a arrancada da Sarah Lee podia não ser suficiente para deixar dezoito rodas pra trás, rsrsrs...

2 - A média de estrada da 660 é 120/130 km. É a faixa de conforto dela. Se precisar chegar a 150 numa ultrapassagem, ela deve fazer isso sem esforço. Nessa hora, a gente sente mesmo que os baús amarram o desempenho. Claro que esta é uma avaliação pessoal, mas já tive a oportunidade de conversar com outros viajantes que tiveram a mesma impressão com esses bauletos. :shock:

3 - Vou discordar de você quando à superfície dos bauletos, amigão. A área frontal é muito grande e "chapada", sem escape do vento. Fiz um teste espalmando a mão na altura do bauleto e senti meu braço jogado para trás. Imagine duas áreas de 30 x 20 cm parando o vento...

Grande abraço!

_________________
José Ricardo
Teneré 660 - "Sarah Lee"
Brasília - DF


Voltar ao topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: 23 Fev 2014, 20:15 
Offline
Avatar do usuário

Registrado em: 26 Out 2012, 11:21
Mensagens: 230
Cidade onde mora: Santo André/SP
É chato ter que fazer gambiarras em coisa nova que deveria ser melhor estudada na hora da fabricação, principalmente quando se paga caro, mas dá satisfação quando a gambi dá certo.
Registra a paetente disso senão a roncar copia e vende os baús ainda mais caro.

_________________
NX 200 > XT 225> Tenere 250 > Tenere 660> Citycom > F800GSA + Tenere 250


Voltar ao topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: 23 Fev 2014, 21:49 
Offline

Registrado em: 03 Set 2013, 23:56
Mensagens: 219
Localização: Goiânia/GO
Cidade onde mora: Goiânia/GO
Highlander Alex escreveu:
É chato ter que fazer gambiarras em coisa nova que deveria ser melhor estudada na hora da fabricação, principalmente quando se paga caro, mas dá satisfação quando a gambi dá certo.
Registra a paetente disso senão a roncar copia e vende os baús ainda mais caro.

Pensei a mesma coisa. Registre a patente.
Parabéns !!! :thumbup: :thumbup: :thumbup:

_________________
Joelton Godoy
Triumph Tiger 800 XCx (2018)
BMW F800 GS (2015/2017)
Yamaha Ténéré 250 (2014/2015)
Yamaha XTZ 250X (2009/2013)
Yamaha DT 180 (1993)
Yamaha TT 125 (1992)

____________________________
"Longe é um lugar que não existe".


Voltar ao topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: 28 Fev 2014, 12:26 
Offline
Avatar do usuário

Registrado em: 12 Fev 2014, 12:02
Mensagens: 66
Cidade onde mora: Brasília/DF
Ligando os pontos...

Para quem está acompanhando a polêmica solução encontrada por um usuário de Té 66 para os problemas de aquecimento (na minha opinião, ele produziu a primeira Té castrada do Brasil, kkkkk...):

viewtopic.php?f=7&t=5011#p107620

De repente, me ocorreu que os bauletos com quina que eu adaptei também ajudaram a jogar ar para as saídas dos escapamentos. Isso pode ter contribuído para melhorar ventilação. Mas não acho que ajudou em performance, pois não contribuiu para ventilar o motor, só a saída do ar quente.

Alguém concorda ou discorda? Gambitech é isso, pensar juntos!

_________________
José Ricardo
Teneré 660 - "Sarah Lee"
Brasília - DF


Voltar ao topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: 28 Fev 2014, 13:32 
Offline
Avatar do usuário

Registrado em: 14 Fev 2011, 09:17
Mensagens: 4073
Cidade onde mora: Campinas - São Paulo
Ótima idéia.....discordo do Radamés...os alforges de tecido/plastificado , da Gift por exemplo,...eu tenho esses...também são retos...vou bolar algo parecido. :joinha:

_________________
XT 600 Z TÉNÉRÉ 92
XTZ-250 TÉNÉRÉ 11

Imagem


Voltar ao topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: 28 Fev 2014, 13:37 
Offline
Avatar do usuário

Registrado em: 03 Jun 2013, 09:44
Mensagens: 2925
Localização: São Cristóvão
Cidade onde mora: Rio de Janeiro/RJ
Ah sim, os meus são molengas :)

_________________
Imagem Imagem
Estrada Real Completada!


Voltar ao topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: 05 Mar 2014, 01:19 
Salve, J. Ricardo.
Ótima solução. Também tenho esse tipo de bauleto e sinto a força do arrasto no desempenho e no bolso na hora de abastecer. Vou fazer a Gambitech também. Preciso da sua ajuda sobre outro assunto: Qual o seu protetor de motor e o cavalete central? São bons? Vc indica para aquisição?
Desculpe-me por desviar um pouco o assunto e desde já agradeço.
Forte abraço.


Voltar ao topo
  
 
MensagemEnviado: 05 Mar 2014, 12:12 
Offline
Avatar do usuário

Registrado em: 12 Fev 2014, 12:02
Mensagens: 66
Cidade onde mora: Brasília/DF
luiz zanol escreveu:
Salve, J. Ricardo.
Ótima solução. Também tenho esse tipo de bauleto e sinto a força do arrasto no desempenho e no bolso na hora de abastecer. Vou fazer a Gambitech também. Preciso da sua ajuda sobre outro assunto: Qual o seu protetor de motor e o cavalete central? São bons? Vc indica para aquisição?
Desculpe-me por desviar um pouco o assunto e desde já agradeço.
Forte abraço.


Fala, Luiz, beleza?

Considero o cavalete central importante por dois motivos: para mexer na moto, principalmente lubrificar a corrente, e para arrumar bagagem. Ou seja, ele é uma mão na roda em viagens mais longas.

Tive uma XT que me custou uma torção nas costas por conta do cavalete central de alavanca "curta". O peso para erguer a moto era desumano e o esforço era todo transferido para a coluna. Quando peguei a Té, esta foi a primeira preocupação, considerando que ela pesa bem mais que a XT (tanque maior, freios duplos, etc). Então procurei um cavalete central que tivesse uma alavanca maior e permitisse jogar a força do arranque para a perna.

Confesso a você que estava tão traumatizado com o cavalete da XT que não quis arriscar e comprei o original de fábrica. Ele é caro de rachar (uns R$ 800) mas funciona muito bem. Dá pra erguer a moto sem pedir a ajuda de ninguém. Pelo menos quando não está carregada! Mas eu recomendo a você verificar outros fabricantes, de repente encontra coisa muito mais barata e de boa qualidade. Só não compre aqueles que têm a alavanca curta (pedal de acionamento). A alavanca do meu tem aproximadamente 15cm. Olha ela aí:



Alerta!! O tapetinho não é onda! Se ficar sem ele a moto arranca lasca do piso cerâmico, tando no lateral quanto no central.

Quanto ao protetor de motor, eu deixei o original. Sinceramente, não vejo necessidade, para o meu uso, de nada mais do que aquilo. No final, só ia colocar mais peso na moto, deixei pra lá.

Protetor de carenagem, sem dúvida, recomendo o Givi TN2105 que já aparece nas fotos do post. Ele é bonito e ainda serve bem como suporte para as milhas. Só de pensar num arranhão no tanque dá arrepio no bolso, rsrsrs... :o :o

E vou fazer uma recomendação final: se você mede 1,80 pra mais, recomendo muito a bolha alongada (10cm a mais). Comprei a da Givi, que tem espessura de 4cm. A referência dela é D443ST. A Té vibra demais com a bolha original. Com a bolha alongada dá até para deixar a viseira aberta. Olha que conselho do cão, hahaha... :nao: :nao: :nao:

Acho que é isso por enquanto. Qualquer coisa, dê o toque.
Abração.

_________________
José Ricardo
Teneré 660 - "Sarah Lee"
Brasília - DF


Editado pela última vez por J.Ricardo em 05 Mar 2014, 14:07, em um total de 1 vez.

Voltar ao topo
 Perfil  
 
MensagemEnviado: 05 Mar 2014, 14:01 
Offline
Avatar do usuário

Registrado em: 26 Out 2012, 11:21
Mensagens: 230
Cidade onde mora: Santo André/SP
Por falar em cavalete, alguém já passou algum sufoco ou susto com o pézinho da Te660?
Pergunto isso porque o pézinho fica bem reto, o da Te250 fica mais inclinado em direção á frente da moto. Até o vendedor no dia que me entregou a moto alertou pra tomar cuidado porque se a moto andar um pouquinho pra frente sozinha o pezinho pode se recolher "automaticamente" e a motoca vai pro chão.

_________________
NX 200 > XT 225> Tenere 250 > Tenere 660> Citycom > F800GSA + Tenere 250


Voltar ao topo
 Perfil  
 
Exibir mensagens anteriores:  Ordenar por  
Criar novo tópico Responder  [ 26 mensagens ]  Ir para página Anterior  1, 2, 3  Próximo

Todos os horários são GMT - 3 horas


Quem está online

Usuários registrados: Bing [Bot], Google [Bot], Google Adsense [Bot], raduenz


Enviar mensagens: Proibido
Responder mensagens: Proibido
Editar mensagens: Proibido
Excluir mensagens: Proibido
Enviar anexos: Proibido

Procurar por:
Ir para:  
Powered by phpBB® Forum Software © phpBB Group
Traduzido por: Suporte phpBB