Kawasaki Versys-X 300

Poste aqui sobre as motocicletas de outros fabricantes.
DIOGOHOSP
Usuário+
Usuário+
Mensagens: 156
Registrado em: 10 Jan 2014, 12:14
Cidade onde mora: São Gonçalo/RJ
Localização: São Gonçalo - RJ

Kawasaki Versys-X 300

Mensagem por DIOGOHOSP » 16 Nov 2016, 16:47

Eis a nova Kawasaki Versys 300cc:

38cv à 8000rpm

http://moto.conectmotors.com.br/nova-ka ... l-em-2017/" onclick="window.open(this.href);return false;
CB 500XA 2015 >TNR 250 Flex 2016 > TNR 250 2015 > TNR 250 2014 > XJ6-F 2015 > Ténéré 660 2012 > Ninja 250R 2010 > TNR 250 2013 > XJ6-F 2012 > TNR 250 2011 > YBR125 2006

Avatar do usuário
mike_jp
Participativo
Participativo
Mensagens: 365
Registrado em: 02 Jun 2014, 09:14
Cidade onde mora: joão pessoa / pb
Localização: joão pessoa - pb

Re: Kawasaki Versys-X 300

Mensagem por mike_jp » 16 Nov 2016, 17:58

Recomendo o vídeo do Luiz Correa,

https://www.youtube.com/watch?v=PEiR11ZhIXw

que fala sobre a moto.

abs

Mike
YAMAHA TENERE 250 ;)
HONDA XRE 300
HONDA XR 200
SUZUKI INTRUDER 250
SUNDOWN STX 200
HONDA TWISTER 250
YAMAHA XTZ 176 CC
HONDA XLR 125
HONDA XLX 250
HONDA CG 125

Felipe
Novato+
Novato+
Mensagens: 33
Registrado em: 06 Mai 2012, 17:12
Cidade onde mora: São Paulo / SP
Localização: São Paulo / SP

Re: Kawasaki Versys-X 300

Mensagem por Felipe » 21 Nov 2017, 18:23

Achei a proposta interessante, porém uma pena que as revisões aqui são cada 3 mil km, lá fora as revisões são a cada 6 mil km.
Tem que fazer as contas pra ver qto sai a brincadeira em 2 anos de uso (~50 mil KM) com revisões, peças etc. Numa dessas até vale mais a pena pegar uma Té 660 ou Tiger 800 usadas.
O que acham?
Felipe - Atual: Ténéré 250
Ex: Intruder 125 / Burgman 125

Avatar do usuário
ivnn
Mestre-
Mestre-
Mensagens: 712
Registrado em: 05 Jan 2012, 14:32
Cidade onde mora: São Paulo / SP

Re: Kawasaki Versys-X 300

Mensagem por ivnn » 22 Nov 2017, 09:58

Interessante essa discrepância. Não achei o manual brasileiro, mas achei o manual "internacional":
http://www.motorcycle.in.th/filemgmt/index.php?id=329

Observem, na página 94, que lá fora as revisões "de verdade" são a cada 12000km. As revisões a cada 6 nem óleo trocam. É só pra ver se a luz de freio não queimou, se os raios e aro estão ok e se a pastilha de freio está ok. Só isso. Troca de filtro e óleo é a cada 12000.

Seria bacana comparar essas infos com as do manual em português.

Thiago_1100S
Mestre
Mestre
Mensagens: 809
Registrado em: 10 Nov 2014, 22:08
Cidade onde mora: guarulhos/Sp

Re: Kawasaki Versys-X 300

Mensagem por Thiago_1100S » 22 Nov 2017, 10:09

A cada 3k aqui são somente para arrancar dinheiro igual as da suzuki...

mas tem nego que troca o oleo da tenere com menos de 5k achando mto, se falar p trocar com 12 ai que nego vai ter infarto...kkkk

Avatar do usuário
ivnn
Mestre-
Mestre-
Mensagens: 712
Registrado em: 05 Jan 2012, 14:32
Cidade onde mora: São Paulo / SP

Re: Kawasaki Versys-X 300

Mensagem por ivnn » 22 Nov 2017, 10:31

Mas os caras chegam à cara de pau de alterar a tabela de manutenção do manual do usuário? Ou seja, o manual lá fora especifica um período de troca de óleo, e o manual traduzido outro?

Ou a troca mais frequente é só uma sugestão informal da oficina?

Eu normalmente sigo o manual, e mando o mecânico se catar. Não é ele que projetou e testou o motor, e ainda por cima é parte interessada nessa questão. Se fosse realmente necessário trocar com mais frequência, estaria no manual e pronto.

Agora, se chegam ao ponto de mudarem o manual na tradução... sem uma boa explicação, me parece que seria motivo para evitar a marca completamente.

Thiago_1100S
Mestre
Mestre
Mensagens: 809
Registrado em: 10 Nov 2014, 22:08
Cidade onde mora: guarulhos/Sp

Re: Kawasaki Versys-X 300

Mensagem por Thiago_1100S » 22 Nov 2017, 13:36

ivnn escreveu:Mas os caras chegam à cara de pau de alterar a tabela de manutenção do manual do usuário? Ou seja, o manual lá fora especifica um período de troca de óleo, e o manual traduzido outro?
Ou a troca mais frequente é só uma sugestão informal da oficina?
Eu normalmente sigo o manual, e mando o mecânico se catar. Não é ele que projetou e testou o motor, e ainda por cima é parte interessada nessa questão. Se fosse realmente necessário trocar com mais frequência, estaria no manual e pronto.
Agora, se chegam ao ponto de mudarem o manual na tradução... sem uma boa explicação, me parece que seria motivo para evitar a marca completamente.
As japas sempre fizeram isso... suzuki no mundo todo, 5k oleo mineral, 10k semi, e 12k o sintético... no brasil... 3k em todos os manuais...

Suzi, honda e yamaha sempre com manutenções reduzidas... BMW, Duca, Triumph, Cagiva, Benelli, Harley, Buell tudo troca de oleo com 10 ou 12k....e mesmo assim conheço dono de BMW que troca a cada 5k, pq usa motul 5100 e tirou do cu(ja vi logista falando essa merda tbm) a informação de que esse oleo roda 5k

Tem agravantes, aqui tem poucos oleos sintéticos bons a preços acessíveis, o alto teor de alcool ferra o mais o oleo, climas infernais iguais aos do norte, nordeste e centro-oeste tbm ajudam...

Ai pega esses detalhes, e coloca que a marca tem que dar algum beneficio para o concessionário e esse é a manutenção exclusiva na moto...

Pode ver a honda tem o oleo Honda (mobil), que só é vendido por eles... a yamaha tem o yamalube (havoline) que tbm só eles vendem... Até loja que vende o yamalube tem que comprar de uma cc yamaha... a J atolado chegou a analisar parceria com a lubrax p fazer um oleo suzuki mas desistiram pq não poderia usar a marca suzuki pois os direitos de uso pela J.Toledo são só para venda e manutenção de motos... esse de oleo exclusivo, cc exclusiva é tudo p aumentar o lucro da cc e fazer com que ela seja exclusiva e venda mais...

Na Europa tem cc exclusiva, mas a maioria é multimarcas, são oficinas de qualidade que podem atender garantia e carimbar manual de N marcas diferentes...

Avatar do usuário
ivnn
Mestre-
Mestre-
Mensagens: 712
Registrado em: 05 Jan 2012, 14:32
Cidade onde mora: São Paulo / SP

Re: Kawasaki Versys-X 300

Mensagem por ivnn » 22 Nov 2017, 15:07

Fui verificar. Bizarro.

O manual da ST1200 do Brasil pede troca a cada 5.000, recomendando Yamalube e especificando SL ou superior; JASO MA, 10W40 ou 20W50.

O manual da ST de fora pede troca a cada 10.000, recomendando Yamalube e especificando SG ou superior, JASO MA, 10W40, 20W50 ou outros.

Se for problema de temperatura, lembro que a temperatura em Las Vegas é compatível com os infernos do Brasil.

Se fosse problema com álcool então os flex teriam troca de óleo super frequentes. E os europeus aumentariam a frequência recomendada também.

Será que é porque aqui usam SL e lá fora SG? Mas SL é superior ao SG!!!

Esquisito isso. Gostaria de ter uma explicação deles de porque essa diferença.

Jotace
Mestre
Mestre
Mensagens: 843
Registrado em: 10 Jul 2012, 05:29
Cidade onde mora: Rio de Janeiro

Re: Kawasaki Versys-X 300

Mensagem por Jotace » 22 Nov 2017, 19:53

Realmente não dá pra confiar...

Fiz a revisão de 1.000 da minha 1200GS e a consultora foi enfática em trocar o óleo, apenas na revisão de 10k. Mas, trocou nessa de 1k e usou o Motul 7100, sintético.
62ª - HD Road King, 2017, Branca

Thiago_1100S
Mestre
Mestre
Mensagens: 809
Registrado em: 10 Nov 2014, 22:08
Cidade onde mora: guarulhos/Sp

Re: Kawasaki Versys-X 300

Mensagem por Thiago_1100S » 22 Nov 2017, 20:55

ivnn escreveu:Fui verificar. Bizarro.

O manual da ST1200 do Brasil pede troca a cada 5.000, recomendando Yamalube e especificando SL ou superior; JASO MA, 10W40 ou 20W50.

O manual da ST de fora pede troca a cada 10.000, recomendando Yamalube e especificando SG ou superior, JASO MA, 10W40, 20W50 ou outros.

Se for problema de temperatura, lembro que a temperatura em Las Vegas é compatível com os infernos do Brasil.

Se fosse problema com álcool então os flex teriam troca de óleo super frequentes. E os europeus aumentariam a frequência recomendada também.

Será que é porque aqui usam SL e lá fora SG? Mas SL é superior ao SG!!!

Esquisito isso. Gostaria de ter uma explicação deles de porque essa diferença.
Vegas tem temperatura parecida, mas o oleo vendido nos eua não é reciclado igual grande parte do oleo daqui...
Na europa, eles recomendam não utilizar gasolina E15 que tem em alguns países pois reduz a vida util do oleo, la tem 95, 97, 98 (octanas todas puras) e E10 (10% etanol).
Tem um dos episódios do quinta marcha que eles fizeram o teste da durabilidade do oleo dos carros na europa, foram tirando amostras e testando em laboratório, os carros que utilizavam gasolina e10 o oleo teve uma piora em relação ao que usava a 95, não lembro o valor exato, mas o que usava a 95 ainda tinha mais de 90% da capacidade de lubrificação e o que usava E10 era abaixo de 85%.... isso dps de 20k rodado... mas oleo bom 100% sintético... óleo mineral sofre mais com contaminação, e reciclado sofre mais ainda....

A explicação p troca mais frequente é simples, aumentar o lucro dos concessionários, eles precisam de um incentivo para serem exclusivos da marca, e isso vem com a garantia de serviço durante um certo periodo, que antes era de 1 ano mas agora ja tem até de 5... essa mudança tem gente falando que é pq eles querem agradar o consumidor e o carai, mas tudo mentira, as cc perdem muito serviço dps que acaba a garantia, e o mercado de motos novas não está muito bom, então aumentando o prazo de garantia seguram o serviço de manutenção por mais tempo... e 90% dos problemas que vc pode ter a garantia não cobre, pois podem alegar desgaste natural ou mal uso.

Responder